Páginas

29 abril 2009

A gripe suína ou enchentes do Brasil?

NOTÍCIAS
A gripe suína teve seu nível de alerta elevado para 5.

Pandemia de gripe suína pode chegar ao Brasil.

O Brasil tem 7 casos suspeitos de gripe suína.

Essas são as principais notícias que estão na mídia nacional, jornais, noticiários e revistas. Enquanto isso bem aqui no Maranhão, estamos sofrendo uma das maiores catástrofes ambientais devido ao índice pluviométrico de chuvas que já se precipitaram sobre a cidade de São Luís e municípios do interior do estado, deixando até agora mais de 80 mil desabrigados, estradas partidas e total calamidade pública e a previsão é que continue chovendo bastante.

Aqueles que são donos do poder de comunicação diga-se: meios de comunicação do sudeste, não estão preocupados em divulgar o estado de calamidade que assola várias cidades do norte e nordeste do país, dando enfoque especialmente para as cidades mais pobres como no caso do Maranhão, entretanto preocupam-se em dar atenção 24 horas para uma gripe que nem sequer chegou efetivamente ao Brasil.
A contradição é absurda pois temos uma população miserável que já perdeu casas, móveis, ou seja, um patrimônio conquistado com muita luta e trabalho por aquelas pessoas que foi destruído pelas chuvas, mas a importância que isso tem, se resume a uma coluna em um jornal, ou uma rápida chamada no jornal nacional, sendo que em diversos munícipios como Pedreiras, Rosário, Bacabal, trizidela do Vale, Monção, Cajari, Pindaré-Mirim, Alto Alegra do Maranhão, entre outras as pessoas não tem mais nada, a água está poluída, comida acabou e as condições de saúde e higiene são precárias.
Só para dizer o quanto não interessa a situação sofrida pelos desabrigados da enchente no Maranhão e Estados vizinhos, citemos a enchente que se abateu sobre Santa Catarina recentemente, quando os meios de comunicação eram totalmente voltados a relatar a situação daquelas famílias com seus lares destruídos, realizando até campanhas de arrecadação na televisão e shows com artistas nacionais e o próprio presidente Lula sobrevôou a região afetada pelas inundações e logo após foram destinados milhões de reais para reconstrução daquelas cidades.
Fica uma pergunta, será que aquelas pessoas do sul são mais importantes do que os brasileiros do norte e nordeste, que precisam de muito mais assistência ou até mesmo será que uma notícia de um suposto vírus da gripe suína é mais interessante do que uma mobilização para ajudar aqueles desabrigados?
O presidente Lula deveria lembrar mais daqueles que são mais próximos de suas origens e que lhe deram mais votos, a mídia deveria parar de ser mercenária e sensacionalista, deveria dar mais atenção a estas vítimas das chuvas e nós maranhenses ,termos consciência de que enquanto governantes patrimonialistas que temos na administração do Estado cidades do interior e esfera política estiverem no poder sempre ficará melhor para eles pois assim surgem mais eleitores dependentes de bolsa-escola, bolsa-aimentação, bolsa-pobreza e suas caridades, para no ano eleitoral com as novas chuvas ficarem na obrigação de votar de novos nesses aproveitadores da desgraça alheia.
Alimentos, roupas e ajudas estão sendo recebidos pela defesa civil que está ajudando estas pessoas e podem ser doados através do telefoneo (098) (3212-8473) as doações.

Um comentário:

Faça seu comentário