Páginas

25 fevereiro 2009

Era uma Vez...

Era uma vez..... Assim começam a maioria das estórias, onde há um mocinho e um vilão em que ambos lutam e no final o mocinho sempre vence para a felicidade de todos . Acontece que essas são apenas estórias e que ocorrem nos contos de fadas, porém há quem insista em acreditar em lendas. Dando continuidade , lembro da Revolução dos bichos, uma fábula em que os animais tomam o poder das mãos de seus donos e após conquistado o controle, as esperanças chegam ao ápice e logo depois vão definhando como algo que deixa de ser alimentado. Isso acontece comumente em alguns lugares afastados onde personagens com ajuda de todos seus companheiros chegam ao poder porém após o propósito atingido, esquecem ideais e juntam-se àqueles que antes criticavam-no e passam comporta-se igualmente aos seus ex-desafetos. Por isso me pergunto? Existe ideal? O dineiro e o poder corrompem? Algumas respostas, podem ser esclarecidas através de exemplos dos mais diversos, principalmente na política em que ideais e convicções são passageiras como nuvens. Porém,estórias sempre tem fim, sejam felizes ou tristes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça seu comentário